REUNIÃO ASERT – JULHO/19

REUNIÃO ASERT – JULHO/19

A reunião foi realizada na PUC Minas, no COREU, no último dia 11 de julho.

Coordenação 2º semestre/19

Participantes: Adalgisa Almeida, Auxiliadora Vilas Boas, Beatriz Alves, Carlos Alberto, Dulce Vasconcellos, Edlane Barbosa, Eliana Mara Mota, Gláucia Pinheiro, Heloína Marthinelle, Joelma Andrade, Monique Rodrigues, Rosa Ricoi, Rosangela Severino, Sandra Fortes, Simone Antunes, Solange Monteiro e Tamara Salomon

Justificaram ausência: Anamaria Jacques, Ana Rita Moura, Clarinda Macedo, Conceição Calderaro, Júnia Gomes, Lilian Velozo, Maria do Carmo Fabri e Mirian Freitas.

Às 14 horas Auxiliadora, Coordenadora Geral, Iniciou a reunião abordando alguns assuntos internos do grupo.

Auxiliadora, Coordenadora Geral

Adalgisa, logo depois, conduziu o “Momento Espiritualidade”.

Momento espiritualidade, conduzido por Adalgisa

Em seguida Eliana, Gláucia e Tamara repassaram o conteúdo do Fórum ABRH, realizado no Centro Cultural do MTC, no último dia 2 de julho, com mais de 600 participantes.

Gláucia e Eliana

Tema do Fórum ABRH 2019: “Em tempos cada vez mais digitais, o que você tem feito para impulsionar seu lado humano? ”

No Fórum houve a apresentação das principais tendências do futuro da gestão de pessoas, nesta nova era marcada pela transformação digital.

A tecnologia tem mudado cada vez mais rápido e o RH tem que ser cada vez mais estratégico, para desenvolver o potencial humano, investindo em habilidades comportamentais, como empatia, criatividade, raciocínio crítico e habilidades sociais e desenvolver e preparar as lideranças para os novos tempos.

Foram mostrados vários exemplos da rapidez da tecnologia, um exemplo foi a apresentação do novo celular chinês da Huawei, que tem três telas e já consegue abrir vários aplicativos ao mesmo tempo. (5G – dobrável). Outro exemplo é você usar a tecnologia para conversar em outro idioma.

Devido ao grande número de palestras, ficou definido que o restante do conteúdo será repassado pelas demais participantes do evento (Beatriz e Simone) na próxima reunião.

Ficou também para a próxima reunião, o repasse do conteúdo da palestra sobre Inteligência Emocional que seria feito pela Sandra.

Após o delicioso lanche do Coffee Bizz Buffet a Luciana Braga da Giga Soluções Interativas proferiu a palestra “Inovando com agilidade: Aplicações Lego@ Serious Play@ para RH”.

Luciana Braga

Luciana é administradora, mestre em Marketing, especialista em Gestão da Informação pela UFMG e Gestão de Varejo pela USP, têm 18 anos de experiência em Gestão de Projetos de Comunicação (interna e externa) em empresas de médio e grande porte, além de atuação como Professora de Pós-Graduação da PUC-MG, UNA e UNI.

Confira os principais pontos abordados na palestra:

Metodologia de uso corporativo na qual modelos são construídos com peças Lego, as questões abordadas vão ganhando profundidade e significado. Tudo é feito gradativa e coletivamente. O processo de aprendizagem é leve, porém acelerado

Os facilitadores: devem ser certificados e o material licenciado pela Lego

Tempo: dinâmicas a partir de 3,5h de duração

Precisa–se 1,5 h para alinhar a equipe quando o processo é realizado com diversos níveis hierárquicos na mesma dinâmica.

Participantes: As dinâmicas se adaptam a qualquer número de participantes

4 Etapas do Processo (realizadas a cada desafio)

                1 – Desafios rápidos, interligados e com complexidade crescente;

                2 – Construção de modelo lúdico e tangível que responda ao desafio;

                3 – Atribuição de significado e compartilhamento da história;

                4 – Reflexão e construção do aprendizado coletivo.

Fundamentado em sólidas bases teóricas:

– Construtivismo (experiência);

– Construcionismo (construção);

– Teoria do flow (engajamento);

– Teoria dos jogos.

Foi desenvolvido em parceria da Lego com o IMD (International Institute for Management Development) na Suíça, e o MIT (Massachusetts Institute of Technology) nos EUA.

Benefícios:

Pelas características ágeis dos desafios e lúdicas das peças, a metodologia permite quebrar uma série de barreiras sociais, hierárquicas, educacionais e culturais. As interações fogem do padrão, proporcionando:

– Profundidade ao pensamento;

– Estimulo à construção coletiva;

– Aprendizado acelerado;

– Escuta ativa.

Fortalecendo Relações Corporativas:

A construção de modelos usando metáforas e storytelling, permite que profissionais de todos os níveis hierárquicos possam vivenciar e co-criar estratégia em tempo real, fortalecendo a dinâmica o comprometimento da equipe, estabelecendo parâmetros para melhores tomadas de decisões.

Aplicações:

– Mais assertividade no recrutamento e seleção;

– Aumento de engajamento e retenção de conhecimento em treinamentos corporativos;

– Desenvolvimento de liderança, equipes, e competências individuais;

– Facilitação no redesenho de áreas e processos;

– Aceleração do processo de descoberta, análise e solução de problemas;

– Agilidade em definições de estratégias;

– Favorecimento da criatividade e transformação de ideias em ações concretas;

– Integração e construção de novas culturas em fusões e aquisições;

– Construção de plano de carreira, modelo de competências, perfis e papéis;

Luciana aplicou no grupo alguns exercícios da Dinâmica do Pato:

Beatriz Alves

Nos entregou um kit pequeno (Pato) e iniciou explicando que tínhamos um minuto para montar um pato usando todas as 6 peças.

Simone Antunes e Beatriz Alves

Passado 1 minuto, solicitou que mostrássemos o que tínhamos feito e salientou que haviam sido feitos patos de diversos formatos.

Em seguida solicitou que, durante um minuto, fosse montado outro pato, porém diferente do que havíamos feito. Após salientar novamente que os formatos eram bem variados, solicitou novamente que montássemos outro pato, mas com apenas uma mão.

Após os 3 exercícios convidou o grupo para a seguinte reflexão:

“Eu quero que você fale para gente: O que você achou de montar pela primeira vez o pato, a segunda vez, a terceira vez, com uma limitação. Pode falar sobre a sua experiência”.

Luciana explicou que ao realizar a dinâmica os participantes se sentem desafiados, mas desfrutam de uma sensação prazerosa, leve, e acabam não percebendo que o grau de dificuldade vai aumentando aos poucos.  Em geral, a pessoa sequer percebe que abandonou o nível de impedimento das peças da dinâmica, para entrar no nível que a gente quer explorar dentro do objetivo traçado anteriormente (seja trabalhar competências de liderança, remodelar uma área…). Ou seja, é tão gradual, que a pessoa entra na dinâmica e nem percebe

Qual seria a reflexão para esta dinâmica:

Existem várias formas de você responder ao mesmo desafio, quando você recebe um desafio na sua empresa, a primeira coisa que você pensa é: não é para mim, não sou capaz, não vou dar conta, mas quando você pega para fazer, você para de pensar, e fala/pensa vou tentar, vamos lá vou fazer, e comigo, é meu, vamos em frente, você acha um jeito de fazer, e se você olha para o lado , você vê que cada um vai ter um outro jeito de fazer, e vê que não tem só uma forma de resolver o problema profissional, uma pergunta, você não precisa ficar pensando que você não vai conseguir , pois se você não consegue do jeito A, você pode conseguir do jeito B, C, D… Você consegue a ver que cada um pensou diferente, cada um conseguiu de forma diferente.

Segunda reflexão:

Mesmo após resolvido o desafio, se a pessoa olhar de novo conseguirá colocar uma melhoria; fazer mais um pouco, sem a necessidade de achar que vai ser mais difícil, pois ela já fez.

Desta forma, por meio das seguintes questões, consegue-se mostrar para a pessoa, de um jeito muito simples, que é possível fazer uma melhoria: qual o desafio? Qual o propósito de fazer esta dinâmica? Qual o resultado?

Auxiliadora e Luciana Braga

A reunião encerrou às 17h30.


Beatriz Alves

Comments

  1. Glaucia Pinheiro Says: agosto 1, 2019 at 4:11 pm

    Excelente grupo com reuniões profícuas, orgulho em participar! Encontro que soma talentos e reflexões exitosas!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *